fbpx

Esta é uma pergunta bem interessante porque a ideia que se tem é que o mérito de todo êxito está na abordagem, é que o método Coaching é o apanágio para todos os males, que irá resolver todos os problemas, que a vida da pessoa será um mar de rosas.   Por falta de alguns esclarecimentos importantes, o Coaching está sendo distorcido em seu conceito original, trazendo mais decepção do que resultados.

coaching - carruagem

coaching – carruagem

ONDE TUDO COMEÇOU…

A palavra Coaching tem sua origem na língua inglesa como uma palavra derivada de Coach que significa carruagem de quatro rodas e era conduzida pelo Cocheiro.  Na Universidade de Oxford, o termo passou a ser utilizado como sinônimo de “tutor particular”, aquele que “carrega”, “conduz” e “prepara” os estudantes para os exames.   No âmbito do esporte passou a significar “treinamento”.  Em 1950 o termo é usado pela primeira vez na literatura de negócios, como uma habilidade de ser um “atleta executivo” com objetivos a serem perseguidos.

Para que o método tenha êxito é preciso estabelecer um acordo entre o treinador (Coach) e o treinando (Coachee), onde é recomendável ficar claro, deste o início que Coaching só funciona com cem por cento de comprometimento. E é o coachee ou atleta executivo que irá desenvolver o músculo necessário para ganhar a medalha.  O Coach ou treinador irá passar os exercícios e acompanhar a sua execução, e o Coachee ou atleta é que irá cumprir as tarefas.

coach + coachee

coach + coachee

FATORES CRÍTICOS DE SUCESSO NO COACHING

Muitos são os que iniciam o processo Coaching mas poucos terminam porque colocam todas as expectativas no método e querem que os resultados sejam os melhores com o mínimo esforço, e em um curto espaço de tempo.  O método Coaching não é suficiente para operar sozinho e necessita de força de vontade e muito empenho de quem o pratica.  O método Coaching será de grande valia na medida que for cumprido em todas as etapas por parte do Coachee e internalizar as seguintes posturas:

  1. Ao responder as perguntas do Coach reflita sobre elas e evite justificativas. A justificativa perpetua a mediocridade.  A pessoa vai justificar ou explicar porque não deu certo ou não consegue e acaba acreditando que isto é uma verdade. Justificativa ou Explicação é o que você recebe quando as pessoas não vão lhe dar o que você quer. Exemplo do filho que pede um brinquedo para o pai e o mesmo responde:  – Filho deixa eu te explicar uma coisa…Neste momento a criança desconfia que não vai ganhar o brinquedo.
  1. Foco seu pensamento naquilo que quer daqui para frente e não naquilo que não conseguiu no passado. É perigoso dirigir olhando para o retrovisor. É mais produtivo focar no que pode fazer daqui para frente para conseguir o que quer. 
  1. Use uma comunicação assertiva, sendo honesto e realista consigo mesmo. Tenha coragem de ir além da necessidade de passar uma imagem positiva para o seu Coach.
  1. Lembre-se que o Coach tem um compromisso com sua meta e não uma amizade pessoal com você. Evite seduzir o seu Coach para aliviar as tarefas e entenda que o papel do Coach não é ser agradável e sim focar na meta.
  1. Acostume-se a entrar na zona de desconforto. Algumas perguntas podem trazer um choque de realidade. E muitas vezes a realidade não é confortável, principalmente quando está criando fantasias e devaneios. Ficar na zona de conforto irá fazer você chegar a lugar nenhum. Coaching não é gostoso e sim desafiador. 
  1. Tenha a atitude do aprendizado contínuo e experimente novas formas de conseguir seus objetivos.
  1. Entenda a diferença entre persistência e constância. Persistência é a atitude de estabelecer nas ações  e constância é a concentração mental focada naquilo que se quer obter.

Lembre-se que Coaching não é mágica e sim, a constância mental seguida de ações.

Requer empenho para que você saia do lugar comum e SEJA MAIS.

Leia também: Como o Coaching e a Neurolinguística se combinam.