fbpx

Do Vazio à Plenitude

Sentir-se vazio em meio a pensamentos que nos tiram do centro e bagunçam a nossa cabeça é evitável, sim, isso mesmo. Existem formas de conduzirmos a nossa mente e encontrarmos dentro de nós mesmos o caminho para a plenitude, e é isso que vamos ver nesse artigo. 

Você é dono da sua mente? 

No universo não existe vazio, o acaso se encarrega de ocupar do jeito que bem lhe aprouver. Geralmente utilizamos o que está mais próximo sem ter o critério se é bom ou ruim, outro critério, é o que está mais fácil, os pensamentos condicionados, repetitivos e circulares que a pessoa passa o dia todo com o pensamento fixo em um problema, e quando chega a noite, não consegue descolar porque deixou de ser o dono da mente, seja por inércia, preguiça ou ignorância.

Do vazio a plenitude

Entregar o cargo de líder de si ao acaso, significa preencher a mente com o que está mais perto, com aquilo que é mais fácil, até que por repetidas vezes, com o tempo, se forma um padrão de pensamentos, perde-se o domínio da mente, agora escrava de um programa que roda sozinho.  

Neste cenário nefasto, o ser humano perde a capacidade de evoluir, aumenta o espaço de um vazio existencial que machuca e causa mal.

A Omissão – O Vazio

O preço pago por não assumir o processo mental é alto, a moeda de troca são os próprios sonhos da alma. Se durante o dia é tempo de correr atrás do sustento material, e o corpo está aceso, de noite, o corpo descansa, a alma desperta e se recarrega com forças vitais para, no dia seguinte, buscar  sobrevivência seja com sofrência ou aprendizado. 

Quando o sol aparece com seus raios quentes e luminosos, é um convite para o movimento de abertura e  toda a natureza se prepara para receber o que tiver de acontecer, a fim de vivenciar experiências relacionadas à matéria. 

Muitos se concentram na busca pelo pão, no meio de cobranças, exigências, necessidades, medos e ansiedades, perdem-se em seus afazeres e nada percebem da magia do dia, e quando o sol se vai, resta um cansaço inútil, sem sentido e um vazio enorme se enche de pensamentos  inquietos, os quais serpentes em cabeça de Medusa, onde o sono não chega na noite interminável.  

Medusa e os pensamentos inquietos

Sem a alimentação de forças espirituais noturnas que atuam no sono, com sonhos repletos de mensagens simbólicas, a vida da pessoa se perde na tempestade de problemas diários, à mercê das circunstâncias. 

Alguns mais sensíveis, cumprem as tarefas diárias e percebem que existe algo em tudo e além do que vê, ouve e sente. Embora não saiba distinguir com exatidão, desconfia-se que há um mistério que se move e envolve tudo que o sol ilumina ou aquece. Entre uma atividade e outra se encanta e cria intervalos de contemplação ao fenômeno da vida. 

Na Calada da Noite 

Quando o sol se vai deixando o brilho das estrelas na escuridão celestial, nos minutos que precede o sono, quando o corpo e mente necessitam do descanso sagrado, é hora de largar e se entregar. É na calada da noite que chegam as informações codificadas em uma outra linguagem que somente a alma pode traduzir.  

Na calada da noite

Uma restauração profunda se opera trazendo mensagens implícitas através de sonhos lembrados ou não, abrirão espaços para algum entendimento sobre o propósito da existência nesse espetáculo humano.  

O que não teve condições de aprender durante o dia, é durante o sono da noite que as lições chegam de forma simbólica para explicar que cada provação diária está burilando o caráter, exercitando virtudes como: paciência, tolerância, persistência, confiança e fé no plano divino, para assim, continuar, apesar de forças em sentido contrário. 

Durante o dia, viver a experiência da labuta, da busca do sustento, no alarido das necessidades do corpo, na competição para sobreviver, matando dragões e salvando princesas.

Durante a noite, curtir o silêncio, o momento da entrega, debruçar-se em êxtase ante o incomensurável. 

Deixar-se mergulhar mansamente em águas tranquilas e repousar em verdes pastos para que a alma se rejubile diante da grandeza. É a parada no porto seguro dos sonhos embalando a música das possibilidades, cada sonho é uma chave de esperança.   

Mente educada com a PNL (Programação Neurolinguística)

A mente educada sabe dirigir o pensamento para viver viajando do vazio da existência à plenitude da essência, e a cada dia e a cada noite colocam seu corpo, mente e alma para fazerem a conexão do caos da periferia do ego com a paz e a ordem divinas do centro sagrado do ser. A viagem desde o nascimento é para chegar ao centro da plenitude…é a volta para casa. 

Plenitude é entrega, é deixar-se preencher, é a certeza que uma força superior vai tomar de conta, de tudo dentro e de tudo fora, e que diante dessas pequenas mortes noturnas, a vida é um permanente recomeço, um eterno ir e vir, um nascimento pleno de começos sem fim…

A PNL

A PROGRAMAÇÃO NEUROLINGUÍSTICA – PNL pode lhe ajudar a vivenciar de forma saudável toda a sua bagagem psíquica emocional de forma inteligente, ética e enriquecedora.

Já conhece o nosso curso de PNL? Ele é um passo importante nessa jornada em busca do autoconhecimento e realização!